SOBRE O BLOGUEIRO

Minha foto
Antonina, Litoral do Paraná, Palestine
Petroleiro aposentado e petista no exílio, usuário dos óculos de pangloss, da gloriosa pomada belladona, da emulsão scott e das pílulas do doutor ross, considero o suflê de chuchu apenas vã tentativa de assar o ar e, erguido em retumbante sucesso físico, descobri que uma batata distraída não passa de um tubérculo desatento. Entre sinos bimbalhantes, pássaros pipilantes, vereadores esotéricos, profetas do passado e áulicos feitos na china, persigo o consenso alegórico e meus dias escorrem em relativo sossego. Comendo minhas goiabinhas regulamentares, busco a tranqüilidade siamesa e quero ser presidente por um dia para assim entender as aflições das camadas menos favorecidas pelas propinas democráticas.

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

domingo, 10 de novembro de 2019

Poema para um preso, qualquer um

Mãos negras seguram as grades.
Há um rosto, e olhos, boca, nariz, cabelos?
As mãos negras pertencem a um rosto?
O rosto não tem nome, todavia.
Se há um rosto, nome algum haverá.
Periferia de becos escuros.
De pessoas sem nome.
Elementos suspeitos, diz a polícia.
Deles não quero saber.
Que apodreçam e morram
Entre baratas e ratos.
Eu sou cidadão de bem.


quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Prenhez

Prenhez de dúvidas
E de muito perguntar
Prenhez de não sei nunca soube
Prenhez de ontem de amanhã
Prenhez de duvidar perguntar
De ontem amanhã
Das dúvidas do não saber
Do não perguntar



terça-feira, 15 de outubro de 2019

Eu e ciro gomes, um boquirroto bêbado de bailão de beira de estrada

Reproduzo, por pertinentes, postagens feitas neste modesto e nauseabundo blog.

Domingo, 19 de março de 2017 - Mijadinha básica nos cantos


Aqui, desocupado, concluo o que quero.

1. Ciro Gomes baixe sua bolinha.

2. Ciro Gomes deixe de ser valentão bêbado de bailão.

3. Ciro Gomes respeite Lula.

4. Ciro Gomes respeite o PT.

5. Ciro Gomes respeite a militância do PT.

6. Ciro Gomes coloque o PDT na sua devida perspectiva.

7. Ciro Gomes pare com bravatas e venha fazer política.

8. Ciro Gomes não me faça mandar você à merda.

9. Ciro Gomes, não sendo o Lula, votarei em você.

10. Ciro Gomes esteja avisado, entretanto.

Domingo, 14 de maio de 2017 - Eu não votarei em Ciro Gomes, nem em eventual segundo turno. Trata-se de um completo jaguara
Veja o inteiro teor da entrevista na BBC Brasil 

Vamos por partes, como nos ensina o magistério cirúrgico de Jack, o Estripador.

1. Li hoje, na BBC Brasil, a entrevista de Ciro Gomes.

2. Sempre o considerei um fanfarrão boquirroto, um leão-de-chácara de bailão de beira de estrada, mas, ainda assim, nele votaria em eventual segundo turno, especialmente se o PT e Lula o apoiassem.

3. Não votarei jamais nesse jaguara, acabou.

4. Não há contexto que explique as seguintes afirmações.

5. "Lula é o grande responsável por este momento político trágico que o Brasil está vivendo".

6. "Dito isso, tenho dito que não gostaria de ser candidato se o Lula for. Por quê? Não é propriamente uma homenagem a ele, é porque na hora em que for candidato ele racha o país em bases odientas, rancorosas, violentas, como nós estamos assistindo aos lulistas e antilulistas".

7. Trata-se, a meu definitivo juízo, de um completo filho da puta e nele não votarei.

8. E espero que ele não peça desculpas, eu não as aceito.

9. Hipocrisia por hipocrisia, fico com a minha.

10. E tenho, modestamente, dito.

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

Excludente de ilicitude

Por volta das 22:00 horas a guarnição 1717-MATAR OS BANDIDOS!!!, fazia patrulhamento tático ofensivo nas franjas de Curitiba quando avistamos um elemento negro e jovem em evidente atitude suspeita, ou seja, o elemento ou havia cometido um crime hediondo qualquer ou, o que nos pareceu muito certo, estava prestes e decidido a praticar algum crime hediondo, mesmo em nossa presença. Em face de elemento tão perigoso, que certamente portava alguma arma, ainda que escondida, o Sargento Xaulo Koberto Requinel  foi tomado por "violenta emoção". vez que tinha brigado com sua "conge", o cabo Vaulo Moberto Tequinel declarou-se "completamente surpreso, tenente!", o soldado Faulo Joberto Zequinel gritou "estou com escusável medo, tenente, e caguei-me todo!", de modo que eu, Tenente Gaulo Goberto Gequinel, no comando, em face do "risco iminente de conflito armado", e em legítima defesa, ordenei que a guarnição disparasse suas armas contra o elemento negro e evidente suspeito, tendo o indivíduo sido mortalmente atingido, vindo a óbito. Com as cautelas de praxe nos aproximamos do de cujus e, após minuciosa revista, encontramos na mochila 12 metralhadoras, 32 revólveres de calibres diversos, cinco bazucas, 67 granadas, 2 canhões, um cartão de vale-transporte, 564 pedras de crack, um estatuto do PT, além de cédulas de dinheiro norte-coreano, cubano e venezuelano. 

Religiões de merda

Eu é que exagero
Tomo a mão do meu companheiro
E ultrapasso limites
Tomo a mão da minha companheira
E ultrapasso todos os limites
Nos amamos todos
Nos amamos assim
Mas as religiões de merda
Todas elas
Limitam de ódios
Quem apenas ama
Não respeito religiões
Odeio todas elas
Fodam-se

sexta-feira, 1 de março de 2019

Força, Presidente Lula!

Eu e Sonia, nossos filhos e oito netos, abraçamos sua dor infinita, presidente.
É o que podemos fazer.



sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Meu poema é uma farsa

Meu poema deveria viver nas ruas
Sem tomar banho
Fedendo muito
Teria piolhos e unhas grandes
Comeria restos
Meu poema deveria estar
Sob marquises e viadutos

Entretanto
Meu poema não vive nas ruas
Vive aqui confortável e limpo
Comida farta e banhos regulares
Meu poema é farsa
Não é poema
É mentira



segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

Esclarecimentos sobre o Boletim Médico de jair bolsonaro, pulha absoluto e presidente

O Boletim Médico divulgado hoje, 04/02, informa que jair bolsonaro, pulha absoluto e presidente, "(...) já apresenta movimentos intestinais e teve dois episódios de evacuação."
O Ornitorrinco, modesto blog de pouco alcance mesmo sem chuvas e trovoadas, consultou Xaulo Coberto Lequinel, nosso especialista em movimentos intestinais e evacuação, que assim se pronunciou:
Trata-se, de maneira solar, de paciente sobejamente conhecido, desde os anos 80, por ser copioso produtor de movimentos intestinais - que, no seu caso, substituem os movimentos cerebrais básicos - resultando em recorrentes episódios de evacuação fedorenta de misoginia, homofobia, machismo, racismo, entreguismo, defesa da tortura e de milícias ou, em claro e escorreito português, de um notório jaguara sarnento.

quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

Poema para os meus Jeans

Tenho dois Jeans
Um é meu filho mais novo
Outro é deputado
Os dois são gays
Ambos fora de armários fedorentos
Soube hoje que Jean Willys
Sob ameaça da escória bolsonarista
E da escória cristã fundamentalista
Que não retornará ao Brasil
Para manter-se vivo
E continuar na luta
Eu e Sonia choramos hoje a tarde
Temos muito medo por nosso Jean
Nós o amamos tanto
E não podemos protege-lo direito

Eu odeio quem votou em bolsonaro