SOBRE O BLOGUEIRO

Minha foto
Antonina, Litoral do Paraná, Palestine
Petroleiro aposentado e petista no exílio, usuário dos óculos de pangloss, da gloriosa pomada belladona, da emulsão scott e das pílulas do doutor ross, considero o suflê de chuchu apenas vã tentativa de assar o ar e, erguido em retumbante sucesso físico, descobri que uma batata distraída não passa de um tubérculo desatento. Entre sinos bimbalhantes, pássaros pipilantes, vereadores esotéricos, profetas do passado e áulicos feitos na china, persigo o consenso alegórico e meus dias escorrem em relativo sossego. Comendo minhas goiabinhas regulamentares, busco a tranqüilidade siamesa e quero ser presidente por um dia para assim entender as aflições das camadas menos favorecidas pelas propinas democráticas.

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Pode até parecer, mas não sou contemporâneo do Rhum Creosotado, porra!


Eu e German, meu neto inoxidável e lindão, estávamos lavando a louça do almoço de hoje (ele enxuga as tralhas) e, durante a faina, a gente conversa sobre uma porção de coisas.

Estava ele contando que não gosta de assistir filmes legendados, que tem dificuldades para ler as legendas, quando chega a gloriosa Sonia Fernandes do Sonia Nascimento Lula da Silva, a Vó Duda:

- Quando eu tinha a sua idade eu só assistia filmes legendados!

German Martins Rocha, danado, não se deu por vencido:

- Também, quando vocês dois tinham a minha idade só passava filme mudo!

A bem da verdade e do serviço público, esclareço que somos um pouco menos antigos que isso, tanto que jamais entramos em pharmácias (exceto na quase centenária Internacional, aqui de Antonina), meus amigos e minhas amigas, embora eu lembre muito vagamente de eufóricos sons radiofônicos da Copa de 1958.

3 comentários:

zcarlos ferreira disse...

Veja ilustre passageiro, o belo tipo faceiro que o senhor tem a seu lado. E no entanto, acredite, quase morreu de bronquite, Salvou-o o Rum Creosotado!

Jeff Picanço disse...

Rapaz! Nem meu primo André, da Pharmácia Internacional, é desse tempo; mas que saudades dos cds de vinil (que volverán, compañeros!)e dos disquetes de 5 1/4"
Se bem que um bom Android também não seria mal...

Anônimo disse...

Ah seu Ornitorrinco... Fala a verdade !! Como disse seu neto : naquele tempo os filmes eram mudos ! Grande garoto, rsrsrsrsr....
Lais - São Paulo