SOBRE O BLOGUEIRO

Minha foto
Antonina, Litoral do Paraná, Palestine
Petroleiro aposentado e petista no exílio, usuário dos óculos de pangloss, da gloriosa pomada belladona, da emulsão scott e das pílulas do doutor ross, considero o suflê de chuchu apenas vã tentativa de assar o ar e, erguido em retumbante sucesso físico, descobri que uma batata distraída não passa de um tubérculo desatento. Entre sinos bimbalhantes, pássaros pipilantes, vereadores esotéricos, profetas do passado e áulicos feitos na china, persigo o consenso alegórico e meus dias escorrem em relativo sossego. Comendo minhas goiabinhas regulamentares, busco a tranqüilidade siamesa e quero ser presidente por um dia para assim entender as aflições das camadas menos favorecidas pelas propinas democráticas.

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Antes que Reginaldo e Tutuca publiquem alguma coisa a respeito, o Ornitorrinco sai na cobertura, rouba brilhantemente a pelota e inicia fulminante contra-ataque

A partir de hoje, visitarei o Folha 13 todos os dias
Lula de férias. A inveja é uma merda
Qualquer cidadão que já tenha feito o serviço militar no País sabe que o cidadão comum pode hospedar-se nas dependências das FFAA brasileiras, quer nos seus hotéis, "cassinos" etc. desde que haja vagas, e se autorizado ou convidado. Existe até o diploma de "Amigo do Exército", homenagem oferecida em cerimônia geralmente no Dia da Infantaria. A oposição elitista continua morta de inveja de Lula. "Como pode um homem comum hospedar-se no Forte dos Andradas, e quem está pagando suas férias?" O que querem dizer com isto, mais uma vez é: "como este pobre, grosso e analfabeto goza destas vantagens?" Chega ao cúmulo de dois jornalistas da "Folha" tentarem invadir a privacidade do descanso do ex-presidente, e denunciarem como atentado à liberdade de expressão terem sido barrados pela segurança, e terem suas máquinas revistadas. Oposição e Folha precisam mais uma vez saber: 87% dos lares brasileiros receberiam de bom grado, como hóspede, o Presidente Lula e sua família. E tenho certeza, ele adoraria comer um feijãozinho caseiro. Da minha parte Presidente: pode chegar, a casa é sua, tão sua como o Forte dos Andradas.
O Ornitorrinco pede a palavra e pergunta para algum gramático desavisado: contrataque agora se escreve assim mesmo?

O Ornitorrinco, às 17:45, pede a palavra para agradecer a internauta Rosangela Basso, querida amiga, para corrigir: é contra-ataque, ora essa!

3 comentários:

Rosangela Basso disse...

Gostei tanto do post q fiz uma propagandinha básica no twiter.

Se escreve contra-ataque, tio google é meu pastor nada me faltará http://www.contra-ataque.com/forum/index.php?showtopic=11487

PAULO R. CEQUINEL disse...

Salvo por Rô, querida amiga, trato de corrigir antes que me fulminem os críticos mais furibundos.

pedroso disse...

Deixa o PIG se afundar cada vez mais. Quanto mais eles batem maior é o prestígio do Cara. Afinal, 87% de aprovação depois de oito anos não é pra qualquer um. A velha mídia está falando apenas para os 4% que acham Lula péssimo em qq circunstância.